Robert
Sarados NF7
Craque da Super Liga 2017
   
  Nós Trupika decepciona eOuro tem novos integrantes
  Vagas foram decididas em grandes jogos como já era esperado.
   
  Data: 10/06/2015
Essa notícia foi lida 279 vezes
   
  JAAV, Águias da Plenitude, União e IEPC-Botafogo essas são as quatro equipes que farão parte da elite da Copa Cristã de 2016. JAAV e Águias da Plenitude depois de ano passado quase conseguirem o acesso, dessa vez obtiveram êxito. União volta após um ano após ser rebaixado e com uma estrutura muito melhor do que quando foi campeão em 2012 e o estreante IEPC-Botafogo fará companhia a sua conterrânea Terra da Promessa como as equipes da cidade do Rio de Janeiro que disputam as competições e agora ambas estão na Série Ouro. Nós Trupika entrou como favorito diante do JAAV, mas como qualquer partida de futebol, tudo é decidido dentro de campo, e quando começou parece que todo mundo só se deu conta do que estava acontecendo depois dos 10 minutos de jogo, quando o JAAV já vencia por 3x0 aproveitando suas descidas ao ataque. Dirley diminui, mas Walace colocou 3 gols de vantagem novamente ao final da primeira etapa. Se em todo jogo decisivo qualquer momento de desatenção pode ser fatal, imagina 10 minutos? Aqueles minutos decidiram a vaga. No segundo tempo o Nós Trupika até melhorou, mas tinha muito que tirar para ficar com a vaga, e do outro lado havia um JAAV muito bem postado, que saía muito rápido nos contra-ataques, e que com certeza, se não fez o melhor jogo do ano, foi um dos melhores. Mesmo com Hery marcando 3 vezes, não foi capaz de segurar o JAAV que marcou mais 4 na segunda etapa com Jackson (2 vezes), Hugo e Thiago Bauer, fechando o placar em 8x5. Águias da Plenitude e Firmado na Rocha fizeram um jogo equilibradíssimo, em que qualquer um poderia sair com a vitória. Melhor para o Águias da Plenitude que aproveitou melhor as oportunidades. O artilheiro da competição Allan, e Welisson marcaram na primeira etapa enquanto Christian e Zorelho fizeram os gols decisivos na etapa complementar. Pro Firmado na Rocha anotaram os gols: Chico, Loka e Gio, mas não foi o suficiente, detalhe que nos últimos minutos de jogo o Firmado na Rocha teve a chance de empatar e levar a disputa Para os pênaltis, mas o goleiro Guilherme defendeu a bola do jogo com as pernas e garantiu ali a classificação de sua equipe para a Série Ouro de 2016.  
     
 
  Logo após União e Ministério Esporte Vida entraram em campo para decidir qual das duas excelentes equipes continuaria na disputa da competição. O primeiro tempo foi simples: disputa muito grande no meio campo, com o Esporte Vida melhor no jogo e correndo atrás para tirar a vantagem que o União tinha do empate. Só que o placar não foi alterado na primeira etapa por competência dos dois goleiros. Na segunda etapa logo no primeiro minuto o lance capital do jogo: lateral para a equipe do União, bola arremessada para a área em direção ao gol, o atacante e o zagueiro pulam na disputa da bola, só que ela passa pelos dois APARENTANDO não bater em ninguém e morreu na rede, o juiz validou o gol alegando que houve desvio do camisa 10 da equipe de Jurujuba, gol validado e a vantagem que era grande se tornou gigante, e a partir daí o Esporte Vida não se encontrou mais no jogo. Com isso Léo, Luiz Alberto, Thiago Abreu e Vitor complementaram o placar de 5x0 e ajudaram o União a voltar para a Série Ouro ano que vem. No último jogo entre IEPC-Botafogo e Pibarg a igualdade era e foi tanta que a vaga foi decidida nos pênaltis. Os times foram totalmente iguais durante todo jogo, não houve predominância das ações para nenhuma das equipes durante o jogo, as duas equipes buscavam o ataque todo o tempo e o empate no tempo normal foi justo pelo que as duas equipes demonstraram no jogo, no tempo normal marcaram para a equipe do Rio de Janeiro: Willy (duas vezes) e Lucas, para a equipe do Pibarg anotaram: Maguinho e Rambo (2 vezes). No tempo normal 3x3, nos pênaltis, o ingrato papel de vilão da disputa ficou com um jogador que no tempo normal ajudou sua equipe com dois gols. Logo na primeira cobrança da disputa, Rambo bateu no travessão e foi só ele quem perdeu, porque todas as outras cinco cobranças restantes foram convertidas, nos pênaltis: 3x2 IEPC-Botafogo e vaga na Série Ouro garantida.  
     
 
  O primeiro objetivo foi alcançado pelos times, agora falta o passo seguinte, mas só um conseguirá ser campeão da Série Prata 2015. As semifinais estão decididas: JAAV x Águias da Plenitude (em caso de empate a vaga na final será disputada nos pênaltis), União x IEPC – Botafogo (em caso de empate o União passa) disputarão quem serão os finalistas e disputará o título no dia 27 de junho. Você é o nosso convidado, compareça e torça pela equipe da sua igreja!  
     
     
   
 
© Copa Cristã - Todos os direitos reservados. by 5L informartica